quarta-feira, 3 de novembro de 2010

Uberman – O Sono Polifásico


por Diogo “Djalma” Fonseca, em 03 de novembro de 2010.
*O Tema a seguir tem por objetivo a informação sobre o tema abordado, e não o incentivo à prática do mesmo*.

Uberman – do alemão Übermensch, que significa super homem – é uma teoria que diz que dormir 8 horas seguidas por dia, não é a melhor forma de se ter um bom repouso, mas sim diversos cochilos ao longo do dia.
Por ser uma técnica difícil de habituar por motivos de rotina (seu chefe não vai deixar vc pausar seu trabalho para uma soneca), existem os ciclos de sono polifásico, aonde ele vai ficando mais rígido em cada etapa, podendo variar os cochilos de 20 minutos à 1 hora, totalizar no final de cada dia de 2 a 6 horas de sono, de acordo com o ciclo adotado.

Os ciclos do sono polifásico são vários, e vamos apresentar aqui 5 deles, bem como suas diferenças. Vale lembrar que não existe uma regra, pois cada usuário se adapta de uma forma diferente ao desgaste físico e psicológico destas. Portanto, os 5 ciclos abaixo são somente pilotos. Sinta-se à vontade para se adaptar de acordo à sua necessidade.

Ciclos de sono:




Ciclo Monofásico: Por padrão, é aqui em que todas as pessoas da sociedade estão. Sonos de 7~10 horas por dia, sem interrupção entre as horas de sono. Se vc viver 90 anos neste ciclo, terá dormido um total de 262.800 horas, ou 30 anos! Ou seja, se a gente não precisasse dormir, poderíamos ser formado e ter PhD em alguma outra área!

Ciclo Bifásico: 1 Sono de 4~5hs e outro de 1~2hs. Em 90 anos dormindo essa média, vc terá dormido um total de 229.950 horas, ou 26 anos.



Ciclo Everyman: 1 Sono de 3hs e 3 sonos de 1h intercalados no restante do dia. Esse é o ciclo mais praticado, visto que ele se encaixa perfeitamente na tradicional rotina ‘trabalho-faculdade’.
Na prática, ficaria assim:

1. De manhã vc vai pro trabalho e dorme 1h no trânsito, pq sempre tem trânsito, é lei de Murphy;

2. Depois do trabalho vc vai pra faculdade e dorme mais 1h no trânsito, pra não dormir na sala de aula;

3. Vc vai pra casa depois da aula e aproveita pra dormir mais 1h no trânsito, para ‘adiantar’ o sono e poder mexer na internet antes de cair na cama.

4. E por último, vc fica até 3 da manhã mexendo na internet, dorme pra levantar às 6hs da manhã e acaba dormindo pouco.

Ou seja, é uma rotina praticada por muitos, e por isso o trocadilho com o nome. Se vc passar 90 anos da sua vida estudando e trabalhando neste ritmo, vc terá dormido um total de 197.100 horas, ou 22 anos e meio.

Ciclo Dymaxion: 4 Sonos de 1h cada, intercalados ao longo do dia. Aqui vc já começa a praticar para entrar no ritmo do Uberman. Praticar este ciclo, já é mais complicado, pois vc tem que dormir a cada 5 horas, causando um desencontro com o horário do trabalho ou dos estudos. Porém se vc tiver como praticar isto por 90 anos, vc terá dormido um total de 131.400 horas, ou 15 anos.

E finalmente, o tão aclamado Uberman: 6 Sonos de 20m cada. Se vc tiver motivos pra viver 22hs por dia (tipo upar em um MMORPG, estudar para a prova e depois dormir nela, fazer milagres no trabalho ou ficar conversando com uma garota, coisa que nunca vai acontecer para um nerd) e enfrentar um grande cansaço acumulado, este é seu desafio. Se vc passar 90 anos da sua vida nesta insanidade, saiba lá Deus ou o PC o motivo de vc precisar dormir só 2 horas por dia, vc terá dormido 65.700 horas, ou 7 anos e meio.

Ou seja: Não tem jeito. No final da sua vida, vc terá dormido (no mínimo) 1 faculdade de Engenharia e uma pós focada em alguma certificação internacional.

Mas vc deve estar se perguntando quais os prós e contras para praticar tal insanidade mudança de hábitos, e aqui vão eles:

Prós:
1. Vc tem mais horas por dia para fazer as coisas;
2. Depois que vc entra na rotina, fica fácil manter o padrão das coisas;
3. Vc tem uma disposição maior para fazer as coisas até chegar o horário do próximo cochilo;
4. Enfim, é uma forma de se resolver o problema da falta de tempo sem precisar inventar um meio de aplicar Torricelli.

Contras:
1. Vc leva 2 semanas ou mais para entrar na rotina;
2. No tempo de ‘treinamento’, vc fica esmagado de cansaço;
3. Se vc não tiver uma pessoa para te ajudar a acordar nos horários certos, vc não consegue entrar no ritmo e ainda perde a hora pra diversos compromissos;
4. Praticamente impossível aplicar as horas de sono ao trabalho na norma CLT;
5. Por dar menos tempo de descanso ao cérebro, às vezes vc sonha acordado, perde noção do tempo quando acorda, acha que o sonho foi real;
6. Alimentação piora por causa do desgaste físico e mental, fazendo vc comer diversos doces e afins;
7. E por manter um padrão de suas tarefas diárias para ganho de tempo, vc acaba se tornando uma pessoa sistemática, chegando a alguns casos a surtar e ser compulsivo, ou seja, tiques.

Curiosidade:
Há especulações de que o ilustre Leonardo da Vinci dormia 15 minutos a cada 2 horas. Alias, tem vários mitos sobre o Sono Polifásico, sendo alguns deles que “Ao dormir menos, sua mente entra em um processo de extrema criatividade e atenção” ou “ao praticar o Uberman, a cada 6 meses de pura turbulência, é o equivalente a 10 anos de vida adiantados por prejudicar a saúde profundamente”.

Conclusão:
Faça o Uberman somente em casos realmente necessários como trabalhos, projetos, estudos, e até alguma crise emergencial para acompanhar algum parente doente no hospital; mas não recomendo viver assim pelo resto de sua vida. O cansaço que se tem por manter o ritmo, seja ele físico ou psicológico, não é nada legal. Vc vai viver muito mais estressado que o comum.

Mas se vc quer praticar, GO AHEAD! É a melhor solução para colocar a vida/problemas/trabalhos em ordem. Tentar praticar sem ter boa vontade e dedicação, não vai rolar. Não são todos que conseguem ter controle total sobre o corpo e a mente para entrar no estágio mais profundo do Uberman.

Caso vc esteja com dificuldades, procure ajuda. Não é todos que tem ciência do Sono Polifásico, mas na internet tem vários praticantes que trocam experiências a fim de ajudar uns aos outros. Vale lembrar o estilo americano de se resolver problemas, o “Thanks for Sharing”, onde partilhar é o melhor remédio. Aliás, partilhar conhecimentos e experiências de vida para motivação pessoal, é um aspecto que nós brasileiros sempre falhamos. Causa disso é o stress pessoal convivido por muitas pessoas da sociedade, onde estes se refletem no convívio no trabalho e na família, causando danos profundos, muito destes irreparáveis como casamento, demissões, e etc. Partilhar/conversar, é o melhor remédio. E acredite, pro Uberman, vc vai precisar.

Fica a dica, e até a próxima galera! ;)

3 comentários:

  1. Muito bom o seu texto e muito instrutivo também.

    Estou realmente pensando em entrar numa onda de dois ou três meses só no sono polifásico para estudar para concurso e fazer pós graduação (à distância, se eu encontrar), além de apreder a tocar um instrumento musical.

    Já havia identificado alguns problemas como desgaste físico e má alimentação, então estou procurando orientações nesse sentido: rotina de exercícios para manter o corpo saudável e dieta adequada à mantença de tal padrão de vida.

    Se você tiver alguma indicação de páginas sobre exercício físico e dieta (uma de verdade, não a de Atkins, tipo sanguíneo, lua e outras baboseiras que mais atrapalham que ajudam...), por favor, me manda alguma resposta. (meu msn é teixeira_dan84@hotmail.com)

    Grande abraço.

    ResponderExcluir
  2. Olá, Sashimi. Fiquei curioso com uma coisa: você chegou a praticar o sono polifásico? Estou começando meu nono dia agora, na série Uberman. Todavia, tenho tido experiências bem diferentes das descritas (como descrito aqui: http://www.diarionomundo.blogspot.com), como a ausência do cansaço, flexibilidade no horário de sono e, aliás, falta de sono em si. Se puder me recomendar fóruns ou sites sobre o assunto, agradeço!

    ResponderExcluir
  3. Olá gente, eu falhei varias vezes até conseguir manter o sono polifásico, onde a cada 6 horas, eu durmo 30 minutos....agora estou no dia 12 do sono, e até que estou acostumando-me... apesar que querer desistir..... no início da vontade de dormir, mesmo que vc tenha que matar alguem HAHHA... mas é uma boa forma de ficar na frente de outros candidatos para uma prova por exemplo.

    Não sei se vale o preço, pois, foi, e está sendo muito sofrível, não me sinto cansado, mas quando chega a hora de dormir os 30 minutos, "EU SÖ QUERO DORMIR POR 40 dias seguidos." É o que vem na mente.

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...