domingo, 23 de outubro de 2011

Capitão Sashimy - "O amanhecer de uma lenda!" Capítulo 6








Escrito por: Marcelo Fraga
            Revisão: Karine Alcântara
        Lucas Farias


OBS: Toda vez que vocês encontrarem entre parentes nas falas (Sashimy), (Sushy) e (Fraga), corresponde à personalidade que esta falando de Marcelo, mas como está em parênteses quer dizer que ele esta falando em sua mente, ou seja, os demais não escutam o que ele diz, somente ele. Agora que ficou claro vamos ao capítulo!

As aulas haviam acabado naquele dia, e como Letícia havia combinado com Paloma, de fazer a entrevista, ela foi para o clube do jornal da escola conversar com ela. Fraga enquanto saia da escola, pensava:


- (Fraga) Quem esperaria que aquela garota que salvamos ontem era a mesma Letícia do passado? E ainda veio estudar aqui na  nossa escola e caiu bem na nossa sala.


- (Sashimy) É, realmente, é bem estranho, mas o importante é que ela continua bem e não mudou nada.


- (Sushy) E vocês esqueceram-se de citar que ela tá uma cocotinha, hein?


- (Fraga) Fala direito dela, Sushy! Ela não é qualquer uma para você ficar falando assim.


- (Sushy) Só disse a verdade, e você tem uma baita falta de azar hein, seu desgraçado, ela continua caidinha por você.


- (Fraga) É, nisso eu não posso discordar. Minha falta de azar é grande mesmo, só espero que ela não descubra nosso segredo.


- (Sashimy) Essa é a única garota que lhe dá bola na escola, Fraga, você deveria ser mais como eu, que tenho até fã clube!


- (Fraga) Não preciso disso, se já tenho uma que vele por mil.


- (Sushy) Toma, seu otário, levou na cara! Fica se mostrando para tudo que é garota, mas não vejo você com nenhuma!


- (Sashimy) Cala a boca, Sushy! Eu só não saio com elas porque o Fraga fica com a ética de que um herói não deve ficar fazendo isso.


- (Fraga) Chega vocês dois, agora escutem. Temos de tomar ainda mais cuidado agora com a nossa identidade secreta, pois se ela descobrir este segredo, não sei o que poderá ocorrer...


- (Sashimy) Sim, concordo..



Antes que eles continuassem a conversar, foram interrompidos por um garoto que veio correndo para Fraga, o chamando. Quando ele o alcançou, viu que era Yuri, que fala:


- Fraga, rapaz, você é ligeiro, hein. A menina nova mau entrou na escola, e você já está dando ideia nela? E eu pensando que você era um mole por ficar quieto na sua o tempo todo. Mas to vendo que estava escondendo o jogo, hein?


- Não é bem assim.


- Não precisa ficar tímido, cara. A garota é uma das mais bonitas da escola, as outras já estão até comentando dela para você ter ideia.


Fraga, sempre sério, ficou em silêncio. Nisso, chegou Polaris correndo como se o mundo estivesse acabando.


- VOCÊS ESTÃO SABENDO O QUE ESTÁ ACONTECENDO?


- Não, o quê?


- Parece que um cara  está roubando o bando aqui perto, e está mantendo reféns!


Fraga fez uma cara ainda mais séria, e então Polaris continuou:


- Todos estão lá para ver o que irá ocorrer com as vítimas, vamos lá ver!


- Sim, sim, vamos. Você não vem, Fraga?


Era óbvio que ele ia, mas não como Fraga, e sim como Capitão Sashimy. E para isso, eles não poderiam estar juntos, então ele falou:


- Acho que não, qualquer coisa, eu acompanho vocês.


- Ok, você que sabe. Vamos, Polaris.


- Vamos!


Nisso, Fraga correu para um lugar onde não podiam ver ele e tirou o uniforme da escola. Por baixo, estava o uniforme do Capitão Sashimy e, na mochila, estava a capa vermelha, que ele colocou.


Ele voou em direção ao banco. Se soubesse o caminho, ele teria chegado em segundos, mas como sempre se perde, ele chegou depois de cinco minutos no local. Chegando lá, ele viu um aglomerado de pessoas em torno do banco, logo que as pessoas perceberam sua presença começaram a gritar:


- O Capitão Sashimy chegou! Agora ele pode salvar as pessoas! Sashimy!Sashimy! Sashimy!


As pessoas, que em um momento atrás estavam preocupadas, pareciam que agora estavam todas bem. Isso tudo graças a um único fato: a presença de Sashimy no local.


Ele, sem cerimônias, entrou quebrando a porta do banco.


Viu que havia vários reféns amarrados no chão, e o cofre estava aberto. Parecia que os bandidos estavam lá dentro, mas havia um deles no lado de fora com uma arma, cuidando para as vitimas não escaparem.  Ao ver o Capitão Sashimy, ele  começou a atirar.


- (Fraga) Vamos fazer o esquema de sempre, eu vou lhe dando as estratégias, e você tenta seguir na medida do possível. Ok, Sashimy?


- (Sashimy) Tá, tá. O de sempre.


- (Fraga) Não leve as balas, ele é o primeiro bandido, não sabemos quantos ainda tem no perímetro, então quanto mais balas você evitar, melhor. Porque mesmo nós nos cicatrizando de uma forma acima do normal, sentimos dor, e nossa guarda pode ficar baixa.


- (Sashimy) Certo também, eu não iria fazer isso, não tem nenhuma garota olhando mesmo...


Os tiros vieram. Sashimy foi desviando de todos, como se pudesse ver a movimentação deles em slow motion. E logo depois disso, correu em direção ao bandido e lhe deu um soco, que o fez cair desacordado.


Uma voz de dentro do cofre saiu:


- Então você finalmente chegou, hein, Capitão Sashimy?


Claro que ele estava curioso para saber quem era o dono da voz desafiadora por trás do cofre, mas sua prioridade era a vida das vitimas, então com velocidade começou a retirar uma a uma do local.


Nesse tempo todo, a entrevista com Letícia já havia terminado, então entrou uma moça na sala do clube do jornal, e falou:


- Paloma, tenho uma bomba de última hora! O Capitão Sashimy está em um banco próximo daqui. Parece que o mesmo está sendo assaltado, e ele esta lutando com os criminosos, tentando salvar os reféns


- SÉRIO? VAMOS IMEDIATAMENTE PARA LÁ! Letícia, você vem?
- Ah Claro... - mesmo não querendo mostrar que queria ver novamente o super herói que todos comentam que ontem mesmo salvou sua vida, ela não hesitou de aceitar.


-Então vamos!


As duas ao chegarem lá viram o Capitão Sashimy saindo do banco, com as vitimas nos braços.
Paloma sem pensar já começou a berrar:


- Sashimy!Sashimy!     


Capitão Sashimy deu uma breve olhada para a garota que estava chamando, mas logo o foco dele foi à garota meio deslocada na multidão que estava ao lado de Paloma, que era Letícia. ele continuou a voar e aterrissou deixando nas mãos dos oficiais de policia as vitimas e voltou para dentro do banco.


Então Paloma disse:


-Nossa isso vai dar noticia amanha! 


-É, queria que Fraga estivesse aqui também...


-Preocupada com Fraga?Você não tem o endereço da casa dele?


-Não peguei ainda- então ela sorriu


-Sua boba, mas nem o celular dele?


-ah o celular sim! Vou ligar para ele agora!


- Ok


Já de volta para o banco, a voz de dentro do cofre falou novamente:


-Já fez sua ceninha?


- Só salvei pessoas inocentes, se você me queria, bastava ter me chamado!


-Mas porque ter só você, se posso ter dinheiro, e aparecer na TV ao mesmo tempo?


-Você vai é aparecer na cadeia, e saia desse cofre e lute que nem homem!


-Certo.


 O homem saiu do cofre, de cabeça baixa, com um chapéu, e com as mãos no bolso.


-Quem é você?


-Guarde este nome -ele levantou o rosto e tirou às mãos do bolso, as mesmas estavam em uma espécie de luva de aço, com aparência bem resistente- Meu nome é Iron Fist! Punhos de aço!


- É gostei do nome, e das luvas! Onde você comprou?


-AH você gostou? Fui eu mesmo que fiz... Espera, isso é hora de conversar este tipo de coisa?


-Só queria saber das luvas... Mas você está certo não é hora para falar dessas coisas agora.


O homem correu em direção a Capitão Sashimy, e lhe deu um soco, o mesmo conseguiu desviar por reflexo, mas só o vento que passou perto dele foi como uma lamina, cortou um pedaço da camisa dele.


-Olha vejo que o que dizem de você não são mentiras! Conseguiu escapar do meu soco, mas já deve ter percebido como ele é potente não?


-(Fraga) Sashimy, ele não é um inimigo normal, você tem de tomar cuidado com as mãos dele, não tire os olhos dela, lembre-se de sempre desviar, não receba os socos dele, não sabemos ainda como pode ser o estrago que aquilo fará.


-(Sashimy) Sim já sei disso, percebi no momento que ele socou que não era um soco comum, há algo de estranho neste cara, mas só lutando para descobrir...


Neste momento o celular que estava no bolso de Sashimy começou a tocar.


-(Fraga) Você não tirou o celular do bolso seu idiota?


-(Sashimy) Agente veio muito rápido, não tive tempo de fazer isso, droga quem deverá ser? Só falta ser a...


-(Fraga) Letícia!


Nisso Iron Fist, ouviu o celular tocar, e perguntou:


-Você é algum idiota?Não vê que estamos no meio de uma luta?


-Só me da um segundo, vou atender aqui, é importante a ligação


-Ah se é importante ok!


-Valeu!


Então Capitão Sashimy atendeu o celular


-Alôu?


-Mamá! É a Letícia, você está em casa?


- Ah sim, estou...


Nisso Iron Fist correu em direção a ele e deu-lhe um soco, que por reflexo, Sashimy pulou e ficou encima do braço dele


-Quieto não vê que estou no celular?Que falta de educação!


Nisso Iron fist pegou as cadeiras que estavam dentro do banco, e começou a jogar contra Sashimy.
 O herói, segurando o celular ia, quebrando elas com chutes, enquanto continuava a falar no celular.


-Que barulho é este?Você está em casa mesmo?


-Ah sim, é porque estou jogando vídeo game, e cheguei ao Boss, quando eu passar esta fase eu retorno para você, ok?


-Ah ta bom...


Então ele desligou o celular. Com uma cara séria ele disse:


-Uma coisa é você querer me matar, até ai de boa, mas interromper minha conversa? Prepare-se para lutar!


-Até que enfim consegui deixar você sério, vamos ao que interessa.


E agora o que acontecerá nesta luta entre dois titãs? Será que Capitão Sashimy, irá conseguir uma vitoria? Ou ele irá perder para este novo vilão misterioso? E enquanto a Letícia?Ela caiu na historia do vídeo game? Como ele vai sair de lá sem  perceber que ele não é o Capitão Sashimy? Estas e outras respostas no próximo capítulo!     

Um comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...