terça-feira, 26 de fevereiro de 2013

Games são cultura para você ?



Hoje venho com um texto um pouco diferente...

Em recente entrevista, a ministra da cultura Marta Suplicy a disse que não incluirá jogos de videogame nos intens que serão abrangidos pelo vale cultura, pois para ela, jogos não passam de entretenimento seja para os mais velhos ou mais novos.

Pelo menos ela sabe (coisa que acredito que a maiora dos nossos representantes não sabe) que videogames respeitam faixas etárias e abordam diversos temas, mas voltando ao assunto: Videogame é ou não cultura?

Sou gamer, mas mesmo se não fosse eu discordo da declaração da ministra, afinal de contas o que é cultura para você? Assistir um blockbuster nos cinemas? Comer algo prato exótico? Ir no seu bar de música ao vivo favorito?, Comprar um livro (mesmo ele sendo 50 tons de cinza)? Se eu vou usar o vale cultura com artigos e atividades que eu considero culturais não cabe a ela decidir o que eu acho cultural ou não.

Atualmente os jogos estão cada vez mais parecidos com filmes, seja no contexto de enrredo, gráfico ou jogabilidade (nos quick times) e a ministta não disse nada sobre ir ao cinema com os 50 mangos do vale cultura, sem falar que também filmes pornográficos também são filmes ou seja nada de reclamar se alguém for com o vale cultura naquele cine privê do centro.

A Ministra também disse que nós os gamers teriamos que aprensentar algo bom para mostrar para ela que games também são cultura. Bom artes andam de mãos dadas com a cultura, certo? então que jogo mais artistico para mostrar para nossa ministra que Okami?



sábado, 23 de fevereiro de 2013

Saiu o trailer da terceira temporada de Game Of Thrones!


Sashimymymy!

Olá Nerds e Geeks, finalmente saiu o tão esperado trailer da terceira temporada da série Game Of Thrones! Até agora estou sem palavras com o trailer, vejam vocês mesmos abaixo:

quarta-feira, 13 de fevereiro de 2013

BAZZINGA MUSIC - Abertura de Btooom!




Sashimymymy!

Olá Nerds e Geeks, faz um tempo que eu não tenho postado, mas quem está vivo sempre aparece correto? Então pensei em voltar trazendo uma das melhores aberturas dos animes que lançaram no ano passado que foi “Btooom!”. O nome da abertura é "No pain, No game", cantada por Nano.


A abertura ressalta muito bem o anime, mostrando o protagonista Ryōta Sakamoto que na vida real é desempregado de 22 anos e uma pessoa que não tem nada de especial. Já nos jogos online ele é um do melhores jogadores do planeta de um jogo chamado Btooom!.


Mas em uma parte do anime ele acaba parando em uma ilha e tendo de jogar o próprio jogo que jogava online na vida real. Não continuarei me aprofundando no anime porque o que estamos pondo em alta aqui é a abertura.

segunda-feira, 11 de fevereiro de 2013

Bad Piggies

Porcos não voam? não tenha tanta certeza disso.

Todos somos fãs de Angry Birds, certo? mas e os porcos ? São os antagonista verdes e papa ovos que estamos acostumados a combater e geralmente não gostamos de vilões.

Antes da Amazing Alex, a Rovio foi contra a maré de decidiu criar um jogo onde nós encarnamos os porcos.

Mas você deve estar me perguntando? Vamos atirar porcos em passáros? Não, vamos fazer algo bem mais inteligente que isso.

Em Bad Piggies temos que percorrer um cenário para no final dele pegar um fragmento de um mapa, fazemos isso construindo máquinas (voadoras ou não), para isso temos no nosso inventários, estruturas de madeira, refrigerante (que é usado como propulsor), motores, rodas, pneus e até mesmo caixas com TNT.

O jogo oferece para os principiantes, um pequeno guia que mostra como montar os veículos corretos para conseguir atravessar o cenário, isso se em um momento tira a graça do jogo, por levar o quesito desafio ao nível 0, em uma certa altura, você irá agradecer aos desenvolvedores por terem deixado aquilo ali.


Os esquema de jogo é o mesmo de Angry Birds, vários cenários diferente, divididos em blocos, onde os mesmos são modificados a parecerem outros... os mesmos tem um clima tropical (afinal, o jogo se passa em uma ilha), mas variam em praias, noturnos, diurnos e etc...

sexta-feira, 1 de fevereiro de 2013

Assassin's Creed III - Análise completa.



Vocês devem estar achando meio tarde para uma review do jogo, mas meus caros leitores, vou pedir para que vocês leiam esse artigo até o final, afinal de contas e literalmente virei o capítulo mais recente da franquia pelo avesso.


A História começa com Haytham Kenaway, ainda no velho mundo, sendo incubido de matar um homem para pegar uma chave, a chave em questão abre um templo nas 13 colonias, chegando lá e após alguns acontecimentos, Haytham se envolve com uma índia chamada Zio, mãe do protagonista Connor, logo se descobre que Haytham na realidade é um templário, e assim começamos o jogo de verdade.


Temos uma jogabilidade mais fluida nesse novo capítulo, agora ao correr na multidão, não precisamos mais apertar nenhum botão para tira-los do caminho, nas batalhas temos combos automáticos com as mais diversas armas - e temos um mega arsenal disponível - sistema de esquiva e contra ataque.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...